Banner
Conheça nossa
Loja Virtual

Aplicação de estacas-pranchas em estacionamento subterrâneo na Índia
Soluções em contenção: Estacas-pranchas de aço laminadas a quente

estaca-prancha-46-g

 

Kolkata, antes conhecida como Calcutá, é a quarta maior cidade da Índia, um famoso marco histórico e a capital do estado de Bengala Ocidental. Houve um período de estagnação econômica depois da independência do país décadas atrás. Este período foi substituído por um “boom” que gerou rápido crescimento em todos os setores, incluindo o tráfego rodoviário.

 

estaca-prancha-47-g

 

estaca-prancha-48-g

 

A população da mega-metrópole indiana oriental atualmente excede 15 milhões.

Parte da expansão da cidade incluiu um novo shopping center subterrâneo com estacionamento integral a ser construído no meio de um denso desenvolvimento urbano. Este empreendimento consiste em um shopping center no nível -1 e o primeiro estacionamento do país equipado com sistema de estacionamento automatizado no nível -2. Está localizado bem próximo à estrutura de herança do New Market de tijolos vermelhos na Lindsey Street, famosa por sua fabulosa torre do relógio. Os dois níveis subterrâneos de 4.000-m2 foram construídos com o método top-down.

A fundação foi circundada por uma parede de estaca-prancha, sendo esta solução a alternativa de construção mais rápida e econômica para a estrutura subterrânea.

(Clique nas imagens para ampliá-las)

estaca-prancha-49-pestaca-prancha-50-p

O shopping center foi inaugurado oficialmente após o período de construção de quatro anos. O estacionamento vem desde então atraindo muita atenção em razão de seu sistema de estacionamento eficiente oferecendo pallets totalmente computadorizados movimentando até 280 carros para suas vagas.

A construção do shopping center e do estacionamento foi iniciada com uma investigação do solo realizada pelas empresas locais Geotest e Drillers & Engineers. Foi necessária uma atençãoespecial em relação aos níveis de lençóis freáticos que regularmente elevam de seu nível habitual de El. - 1,5 m abaixo do nível do solo para El. 0,0 m ou mais durante o período de monção.

O departamento técnico da ArcelorMittal apresentou um projeto preliminar de parede de estaca-prancha para o proprietário. As estacas-pranchas atuam unicamente como uma parede de contenção. As cargas verticais da estrutura superior de concreto são suportadas por um sistema de fundação separado. Como a estrutura foi construída com o método top-down, as lajes de concreto a El. -0,3 m e El. -4,3 m e, na
laje do fundo, a El. -7,3 m atuam como suporte transmitindo reações horizontais da parede de contenção. A vantagem principal do sistema top-down, a liberação rápida da área de construção do subsolo foi importante na medida em que a praça acima da construção devia ser reaberta o mais rápido possível para o público.

O projeto preliminar foi realizado de acordo com teorias EC 3: comparação da tensão de aço permissível existente e máxima como o critério principal para escolha dos perfis de estaca-prancha. No entanto, fatores de segurança parciais não foram considerados e o resultado do projeto foi julgado contra um coeficiente de segurança global mínimo de 1,50. A influência da pressão da água em razão da percolação abaixo da estaca-prancha foi levada em conta estabelecendo diagramas de pressão da água determinados com gradações hidráulicas. A verificação do momento de tensão do aço foi feita para as quatro seguintes fases, bem
como para a etapa final, considerando a perda na espessura do aço em razão de corrosão após uma vida útil de 50 anos.

 

 

  • Fase 1: Escavação e rebaixamento do lençol freático a El. -4,80 m laje superior a El. -0,30 m
  • Fase 2: Escavação e rebaixamento do lençol freático a El. -7,80 m laje a El. -4,30 m, nível da água a El. -1,50 m
  • Fase 3: Conforme a fase 2, nível da água a El. 0,0 m (período de monção)
  • Fase 4: Etapa final, laje de fundo a El. - 7,30 m, nível máximo da água sob condições hidrostáticas

O valor máximo do momento fletor (465 kNm/m) e de flexões (63 mm) ocorrem durante a fase 4.

estaca-prancha-51-pestaca-prancha-52-p

estaca-prancha-53-pestaca-prancha-54-p

O departamento técnico propôs uma estaca-prancha AZ 26 de 18 m de comprimento em grau de aço S 355 GP como o perfil adequado. A verificação do AZ 26 caracterizado por um módulo elástico de 2.600 cm3/m mostrou uma tensão máxima de 179 N/mm2, sendo o valor máximo permitido em função do tipo de aço igual à 355 N/mm2, resultando em um fator de segurança de 2,0.

A verificação após uma vida útil considerada de 50 anos é baseada na perda de espessura de aço em razão de corrosão apresentada nas tabelas em EC 3.

Como a parte interna da estrutura da fundação é revestida, a perda de espessura teve de ser considerada somente na parte externa. Uma perda de 1,75 mm foi determinada considerando a presença de solo natural agressivo. O módulo elástico reduzido recalculado da estaca-prancha AZ 26 em razão de corrosão foi de 2.300 cm3/m. O fator de segurança após uma exposição de metade de um século para solo natural agressivo é de 1,76.

O proprietário do projeto eventualmente optou por estacas-pranchas AZ 26 em 6 e 12 m de comprimento para permitir o embarque em contêineres. As estacas foram juntadas ponta a ponta no canteiro.

Cerca de 1.110 toneladas de estacas individuais AZ 26 de 18 metros de comprimento em grau de aço S 355 GP foram instaladas. Conectores C 9, C 14 e Ômega 18 foram usados para unir as estacas nos cantos da parede. Os AZ 26 foram cravados com um martelo vibratório isento de ressonância, suspenso a partir de um guindaste rastejante. Eles formam um paralelogramo de 167 m de comprimento com uma largura de 15 a 27 m e um perímetro de 376 m.

As cargas verticais da superestrutura são suportadas por colunas de concreto de 500 mm de diâmetro.
estaca-prancha-55-pestaca-prancha-56-p

estaca-prancha-57-pestaca-prancha-58-p

A face exposta das estacas AZ dando sobre o Shopping Center e o estacionamento foram pintadas por motivos de estética. O primeiro estacionamento totalmente automático de Kolkata foi impermeabilizado por vedação com solda dos conectores Larssen das estacas-pranchas AZ 26.

Uma análise de incêndio demonstrou que uma proteção contra incêndio poderia ser assegurada por um sistema comum de aspersor de incêndio. 

     

    Preço
    R$ 64,00
    à vista

    ou em até 2x de R$ 32,00


    Preço
    R$ 311,20
    à vista

    ou em até 10x de R$ 31,12

    M_in_noticia