Banner
Conheça nossa
Loja Virtual

Coberturas de Policarbonato

cobertura-policarbonato-destaqueO Policarbonato

O policarbonato é um plástico de engenharia, utilizado nas mais diversas áreas: automobilística, arquitetura, indústria, medicina entre outras. É um material de alta transparência e resistência a impactos. Mais leve que o vidro, pode ser curvado a frio e tem proteção contra raios ultravioleta.

O policarbonato é indicado para coberturas e fechamentos que exigem iluminação natural, pois seu nível de transparência chega a 89%. Por sua alta resistência a impactos (em média 200 vezes superior à do vidro e trinta vezes maior que a do acrílico), é recomendado para cobrir áreas externas como gazebos, jardins de inverno, varandas, garagens, estufas e piscinas.

Por possuir proteção contra os raios UV, as coberturas de policarbonato possuem maior vida útil do que as telhas de fibra de vidro ou PVC, pois não amarelam e não perdem a transparência.  

Resultante da reação entre derivados do ácido carbônico e o bisfenol, o policarbonato é muito utilizado em coberturas devido a sua transparência e resistência.

As telhas de policarbonato propiciam diversas sugestões decorativas ao ambiente, pois permite a utilização em coberturas com formas e curvaturas sem nenhuma emenda.

As telhas de policarbonato são leves (cerca de 1,2 kg/m²), resistentes ao impacto e proporcionam maior aproveitamento da luz natural. São oferecidas em perfis ondulados e trapezoidais.

As chapas de policarbonato podem ser classificadas como telhas devido aos seus formatos semelhantes às telhas de aço galvanizado, telhas de alumínio e as telhas de fibro-cimento e podem compor telhados, coberturas e fechamentos verticais com a combinação desses outros materiais.

Existem três tipos de chapas de policarbonato no mercado: as compactas, as alveolares e as refletivas ( melhor eficiência térmica). Na escolha do produto para aplicação principalmente em coberturas, deve-se levar em conta, principalmente, fatores como a luminosidade e o conforto térmico, além do efeito estético e o preço.

Geralmente as coberturas de policarbonato estão disponíveis nas cores cristal, bronze, branco leitoso e fumê. Alguns tipos também são oferecidos em verde e azul. É bom lembrar que as cores escuras, como o bronze e o fumê, têm menor índice de luminosidade e conseqüentemente transmitem menos calor quando utlizadas em coberturas.

Policarbonato Alveolar Incolor - Transmissão Luminosa 79%Policarbonato Alveolar Bronze - Transmissão Luminosa 40%

Transparência e luz natural

Para ter uma boa cobertura transparente e aproveitar os benefícios da luz natural sem os inconvenientes de um indesejado efeito estufa e raios UV, é consultar especialistas dessa área e seguir algumas recomendações abaixo:

Uma quantidade maior de luz é sempre bem-vinda, mesmo em regiões mais ensolaradas. Coberturas translúcidas integram o meio ambiente interno com o externo.

Para um bom resultado final, as coberturas de policarbonato devem ser instaladas em posição estratégica ou com cor adequada a bloquear uma parcela de calor do sol. As coberturas transparentes melhoram a luminosidade dos ambientes, fazendo com que espaços menores pareçam mais amplos e ambientes mais frios tornem-se mais quentes.

Instalar coberturas de policarbonato transparentes em um país tropical como o nosso, requer muita atenção. É importante que as coberturas de policarbonato sejam bem dimensionadas, para não criar verdadeiras estufas.

Vantagens

Abaixo as principais vantagens na utilização da cobertura em policarbonato

  • Alta resistência a impactos - As coberturas em policarbonato são inquebráveis. O policarbonato é excelente para substituir o telhado em diversas áreas pois suporta fortes impactos;
  • Transparência;
  • Fácil manipulação e instalação - molda-se facilmente ao local onde será realizada a instalação;
  • Baixo peso - As chapas de policarbonato compactas pesam metade que as de vidro e as alveolares têm apenas 10% de seu peso. O peso da estrutura que suporta a cobertura de policarbonato é muito menos que o peso da estrutura que suporta a cobertura em vidro, trazendo uma enorme economia na instalação da mesma;
  • Manutenção – Os gastos com manutenção da cobertura em policarbonato são menores, pois requer manutenção mínima;
  • Economia de energia;
  • Não propaga a chama – Por ser um material auto-extinguível, o policarbonato evita a propagação de fogo e os gases gerados são menos tóxicos que os do acrílico. Além disso, dispensa maiores recursos com segurança contra incêndio, devido a sua propriedade retardante de combustão;
  • Proteção anti-UV – As chapas de policarbonato para uso em coberturas, possuem um tratamento contra os raios ultravioleta mantendo a transparência e a resistência ao impacto ao longo dos anos de exposição direta ao sol;
  • Garantia de 10 anos contra amarelecimento;
  • Podem ser instaladas sobre estrutura de alumínio, aço ou madeira;
  • Ótimo aspecto estético ao empreendimento;
  • É mais eficiente no aspecto térmico, uma vez que sua condutibilidade térmica é menor que a do vidro.

    As placas de policarbonato alveolar se assemelham a uma colmeia e têm a aparência visual do vidro canelado. Há policarbonatos cinza, verde, azul, bronze, transparente e branco leitoso.As placas lisas podem ser oferecidas com proteção contra os raios ultravioleta. As chapas de espessura maior e as coloridas e leitosas reduzem a transmissão de luz e a penetração de calor.

    Instalação

    A instalação em geral é feita por instaladores autorizados ou recomendados pelos fabricantes. Eles podem responsabilizar-se pela compra do material, montagem das estruturas e colocação.

    Porém, listamos aqui algumas precauções que devem ser tomadas na instalação das coberturas em policarbonato. São elas:

    • Proteja as chapas e telhas de policarbonato até o momento da instalação;
    • Caso o corte das telhas e/ou chapas de policarbonato for feito através de serra elétrica, as lâminas devem conter dentes finos, com a quantidade de 6  a 8 dentes por centímetro, nesse caso as chapas e telhas de policarbonato devem ser presas à bancada para evitar vibrações;
    • A fixação da cobertura em policarbonato deve ser realizada através de perfis de alumínio com gaxetas de neoprene ou EDPM, as quais não danificam a cobertura;
    • O filme de proteção UV deve ficar para cima, devendo ser removido após a instalação.

    Dicas

    • As chapas de policarbonato devem ser fixadas sobre estruturas de madeira, aço ou alumínio;
    • Nas estruturas de madeira deve-se levar em conta que a madeira pode movimentar-se o que pode causar desencaixes, causando possíveis vazamentos de água;
    • Outro cuidado que se deve ter é com os rufos (elemento de vedação entre a cobertura e alvenaria). O rufo deve ser fixado diretamente sobre a parede e não na estrutura, pois esta última tem movimentação o que pode causar rompimento das vedações;
    • Posicione a cobertura conforme a incidência de sol: prefira sempre a face sul;
    • Posições com alta exposição solar precisam de boa ventilação e cobertura com cor, por ex., bronze, fumê ou com características refletivas;
    • Boas saídas de ar para uma ventilação cruzada é recomendável. Uma excelente opção é a instalação de coberturas retráteis, que podem abrir e fechar conforme o clima se apresenta.

    Limpeza

    A limpeza em uma cobertura translúcida de policarbonato deve ser constante, e proporcional às sujidades causadas pelo ambiente.

    Recomenda-se lavar a cobertura em policarbonato periodicamente a cada 30 dias, de preferência lavar sempre pela manhã ou final de tarde, nunca sobre sol intenso.

    É indicado molhar a cobertura em policarbonato com água corrente e bastante pressão, de preferência em máquinas de jato.

    Nunca utilize produtos abrasivos na limpeza da cobertura em policarbonato, tais como esponjas de poliuretano ou vassoura e utilize apenas sabão neutro, esponja macia ou pano 100% algodão.

    Em caso de acidentes com tintas sobre as chapas de policarbonato utilize somente álcool isopropílico, logo em seguida lave com água e sabão neutro.
    A limpeza da estrutura metálica também merece cuidados. Se for de aço, deve-se remover a sujeira com pano úmido e detergente neutro, repintar os descascados removendo ferrugens previamente (pode se usar qualquer fosfatizante que se encontra em lojas de tintas). Se for alumínio, limpa-se com pano úmido, detergente neutro e, para as mais difíceis, querosene puro.

    Menos duro que o vidro, o policarbonato, risca facilmente. Assim, para áreas que exigem limpeza constante, recomenda-se utilizar de água com detergente neutro e pano macio. Produtos abrasivos ou alcalinos fortes são proibidos.

    Em caso de manchas difíceis de limpar, tais como graxa, tinta, acúmulo de poluição atmosférica pode-se utilizar excepcionalmente, querosene puro e em pequena quantidade para limpar a cobertura em policarbonato, passando sobre a área a ser limpa e removendo-se logo em seguida qualquer resíduo do produto com água abundante, detergente neutro e pano macio (consulte antes os fabricantes do policarbonato antes desse procedimento).

    Fotos

    Day Brasil e Portal Met@lica.

       

      Preço
      R$ 1,60
      à vista


      Preço
      R$ 79,90
      à vista

      ou em até 2x de R$ 39,95

      M_in_noticia