Fale conosco Anuncie Sobre o Met@lica Links Recomendados
OBRAS ARTIGOS TÉCNICOS MATERIAIS E PRODUTOS GUIA DE EMPRESAS TABELAS PROGRAME-SE NOTÍCIAS
Aço Inox na Arquitetura
Aplicações, Características e Cuidados com Manutenção
O que é o Aço Inox

Inox é o termo empregado para identificar uma família de aços contendo no mínimo 11% de cromo, elemento químico que garante ao material elevada resistência à corrosão.

Os aços inoxidáveis são resistentes à corrosão devido ao fenômeno da passividade. Os elementos de liga presentes nos aços inoxidáveis reagem com muita facilidade com o meio ambiente e um deles em particular, o cromo, ajuda a formar um filme fino e aderente que protege o material de subseqüentes ataques corrosivos.
Este filme é conhecido como filme passivo. O filme passivo dos aços inoxidáveis resulta da reação entre o material e a água, sempre presente no meio ambiente (a umidade do ar condensa sobre a superfície fria do metal).

O produto dessa reação é um oxi-hidróxido de cromo e ferro, sendo que na região mais próxima da superfície metálica predomina um óxido e na região mais próxima ao meio ambiente predomina um hidróxido.

Com o decorrer do tempo a camada de óxido aumenta, não acontecendo o mesmo com a de hidróxido e, aparentemente, existe um enriquecimento do filme passivo.

Apesar de invisível, estável e com espessura finíssima, essa película é muito aderente ao inox e tem sua resistência aumentada à medida que é adicionado mais cromo à mistura.

Outros elementos como níquel, molibdênio e titânio por exemplo permitem que o inox seja dobrado, soldado, estampado e trabalhado de forma a poder ser utilizado nos mais variados produtos. A seleção correta do tipo de inox e de seu acabamento superficial é importante para assegurar uma longa vida útil ao material.
Principais Atributos do Aço Inox
    - Resistência à corrosão
    - Resistência mecânica superior aos aços baixo carbono
    - Facilidade de limpeza / baixa rugosidade superficial
    - Aparência higiênica
    - Material inerte: não modifica cor, sabor ou aroma dos alimentos
    - Facilidade de conformação
    - Facilidade de soldagem / união
    - Mantém suas propriedades numa faixa muito ampla de temperatura, inclusive muito baixas (criogênicas)
    - Acabamentos superficiais variados
    - Forte apelo visual (modernidade, leveza e prestígio)
    - Relação custo/benefício favorável
    - Baixo custo de manutenção
    - Material 100% reciclável

Aço Inox
É um tipo de aço contendo pelo menos 11% de cromo, com composição química balanceada para ter maior resistência à corrosão.

O que é Corrosão
É a inimiga natural dos metais. Os aços comuns reagem com o meio ambiente, formando uma camada superficial de óxido de ferro. Essa camada é extremamente porosa e permite a contínua oxidação do aço, produzindo a corrosão, popularmente conhecida como "ferrugem".

Camada Passiva (Reação entre os elementos de liga do aço inoxidável com a água)
É uma camada extremamente fina, contínua, estável e resistente formada sobre a superfície do aço inox. Essa camada protege o inox contra a corrosão.

Formação e Características da Camada Passiva
Os aços inoxidáveis são capazes de formar e conservar filmes passivos em uma grande variedade de meios, o que explica a versatilidade do material, utilizado em grande quantidade de aplicações.
Principais Famílias do Aço Inox
Austeníticos - Ferríticos - Martensíticos

Quando o aço inox é bem especificado, sua relação de Retorno sobre o Custo envolvido é bastante favorável.

Os aços inoxidáveis são selecionados para aplicação na arquitetura, assim como para outras aplicações, pela sua resistência à corrosão. Esta é a primeira consideração no processo de seleção.

Fatores ambientais como temperatura e umidade precisam ser consideradas, mas a localização do projeto deve ser considerada em primeiro lugar.
As localizações podem ser classificadas como:
  • RURAL – áreas não poluídas, situadas no interior e afastadas de atmosferas e resíduos industrias.

  • URBANA – áreas residenciais, comerciais ou áreas com industrias leves com poluição não agressiva do ar.

  • INDUSTRIAL – são caracterizadas pela poluição do ar, através da presença de dióxido de enxofre ou gases liberados por industrias químicas, que podem formar ácidos condensados potencialmente perigosos.

  • LITORÂNEA – áreas com presença de spray marítimo ou bruma. Estes contêm cloretos que podem condensar quando a umidade da superfície evapora.

O meio ambiente não pode ser definido precisamente com os termos acima indicados e também é importante levar em conta que mudanças ambientais poderão ocorrer durante o período de vida do projeto, isto é, o ambiente poderá se tornar mais poluído ou mais limpo.

Adicionalmente micro-climas podem influenciar a categorização geral e devem ser pesquisados antes de selecionar o tipo de aço inoxidável a ser empregado. Micro-climas podem existir em regiões costeiras ou perto de plantas químicas, onde ácidos condensados podem se formar inesperadamente.

De forma geral o aço 304 pode ser utilizado na maioria das áreas, exceto em áreas industrias fortemente poluídas ou na maioria das áreas litorâneas. Nestas a escolha preferencial deve ser o aço 316.

Outros fatores importantes na escolha do tipo de aço são:
    - Acabamento superficial
    - Projeto
    - Técnica construtiva
    - Facilidade de limpeza e manutenção

Propriedades físicas e mecânicas do aço inoxidável:
    - Como regra geral, quanto mais fino o acabamento, maior a resistência à corrosão.
    - No projeto devem ser evitadas frestas, que facilitam o processo de corrosão.
    - Técnicas construtivas que evitem frestas devem ser consideradas.
    - Rebites de alumínio devem ser evitados na fixação de painéis de aço inoxidável, pois poderá ocorrer corrosão galvânica.
    - A limpeza periódica é recomendável para o aço inoxidável, como para a maioria dos materiais empregados no exterior de edifícios.

As propriedades mecânicas dos tipos mais comumente utilizados 304 e 316 não devem em geral ser causa de preocupação. A expansão térmica entretanto destes materiais, é um terço da maioria dos outros tipos de aços.
Seleção do Aço Inoxidável Para Uso na Arquitetura
A escolha do tipo de aço inoxidável mais adequado para um projeto arquitetônico deve considerar itens como os poluentes atmosféricos potencialmente corrosivos, ventos marinhos, temperatura, umidade e regime de chuvas.

A poluição localizada e a direção dos ventos predominantes podem resultar em diferenças de potencial de corrosão em locais separados por apenas alguns quilômetros.

Para efeito de seleção de materiais, os ambientes podem ser classificados como: rural, urbano, industrial e litorâneo.

Esta classificação refere-se ao ambiente de forma geral e não leva em consideração condições localizadas, como a proximidade de uma fonte poderosa de poluição.

As possíveis mudanças ambientais ao longo da vida de um edifício também devem ser avaliadas. Por exemplo, uma área rural poderá se transformar em área urbana ou industrial.

Tendo em vista que não existem dois ambientes exatamente iguais, os dados devem ser considerados como orientação em relação à performance para locais com condições similares de níveis de poluição e clima, em conjunto com as orientações da tabela a seguir.
Clique para ->Pg 2-> Aplicações, Características e Cuidados com Manutenção