Fale conosco Anuncie Sobre o Met@lica Links Recomendados
OBRAS ARTIGOS TÉCNICOS MATERIAIS E PRODUTOS GUIA DE EMPRESAS TABELAS PROGRAME-SE NOTÍCIAS
photo
photo
photo
photo
photo
photo
photo
photo
photo
photo

Brasileiros investem em casas inteligentes

Câmeras de segurança que detectam movimentos estranhos no ambiente e mandam avisos pelo celular; possibilidade de controlar as luzes, ar condicionado e o gás por aplicativos; soluções integradas que conectam o aparelho de ar condicionado, TV, projetores, iluminação, persianas, fechaduras e sensores, sendo possível programar o acionamento apenas com um toque, tanto em um controle remoto como via aplicativo no celular. Essas são algumas das possibilidades abertas pela automação residencial, também conhecidas como casas inteligentes. 
 
Um levantamento da Associação Brasileira de Automação Residencia (Aureside) mostrou que, no Brasil, há cerca de 300 mil lares que já contam com algum tipo de tecnologia de comunicação. O mercado de automação residencial prevê um crescimento de 11,35% entre 2014 e 2020 em todo mundo. 
 
De acordo com o diretor-executivo da Aureside, José Roberto Muratori lembra que a automação das residências surge numa perspectiva de gerenciar necessidades básicas de conforto e segurança. “A tecnologia atual vem buscando deixar questões pequenas do gerenciamento de casas mais simples, com dispositivos cada vez mais intuitivos para que ninguém esqueça nada aberto ou ligado e precise voltar para casa para consertar”, completa. 
Muratori também faz questão de pontuar que, se num passado próximo, a automação precisava estar no projeto da casa, hoje, os processos podem ser definidos sem a necessidade de reforma, de acordo com a necessidade do cliente. “A tecnologia sem fio ajuda muito ao processo de automação de uma casa que, inclusive, pode ser feita aos poucos, possibilitando vários níveis de automação”, completa o diretor.
 
Made in Brasil
 
Em sua sexta edição, a InfoComm Brasil reúne usuários, distribuidores e fabricantes nacionais e internacionais do setor AVde áudio e vídeo, sinalização digital, automação residencial, iluminação e domótica (robótica voltada para soluções habitacionais). O evento também é destinado a administradores e proprietários de grandes instalações, empresas organizadoras de eventos, de locação de equipamentos, de comunicação e relações públicas, além de engenheiros elétricos e de som e projetistas de Áudio e Vídeo.
 
Promovida pela Audiovisual and Integrated Experience Association e a Latin Press, Inc.(AVIXA), a InfoComm Brasil traz as novidades apresentadas nos principais eventos do setor no mundo, isso porque, a feira faz parte do circuito Latino Americano da InfoComm, feiras integradas de áudio/vídeo profissional no Brasil, Colômbia e México. Além disso, a AVIXA é a organizadora das feiras InfoComm no mundo todo. “InfoComm Brasil continua sendo a única feira para o mercado profissional de áudio e vídeo no Brasil e conta com a participação do maior número de fabricantes, distribuidores e integradores protagonistas do setor local. É como visitar várias feiras em uma”, comenta Victor Alarcón, Project Manager do evento.
 
José Roberto Muratori faz questão de ressaltar que a tecnologia disponibilizada no Brasil não deixa nada a desejar àquela disponível em outros países. “Por isso mesmo, a feira tem um papel tão importante, porque conecta e apresenta novidades a um público alvo diverso, desde fabricantes até quem levará as novidades para casa”, completa o diretor.
 
Vale salientar que no último levantamento realizado pela Qualcomm , em parceria com a IDC, mostrou que 98,1% dos brasileiros usam o smartphone para se comunicar e executar tarefas cotidianas que exigiriam deslocamento físico.
Notícias

EMPRESAS
Lafaete apresenta projetos em congresso de construções modulares no Canadá
EMPRESAS
Sustentável desde o estande de vendas
ECONOMIA E MERCADO
Emprego na construção brasileira caiu 0,33% em março
ECONOMIA E MERCADO
Indústria brasileira do aço acredita em recuperação em 2019

o tamanho do apetite chines no brasil
EMPRESAS
O tamanho do apetite chinês no Brasil
ARQUITETURA
Casa em Níveis- Miguel Pinto Guimarães
CONSTRUÇÃO CIVIL
Resolução estabelece que serviços de Engenharia não são serviços comuns
ECONOMIA E MERCADO
Empresários mineiros da construção se mostram cautelosos

EVENTOS
Emplavi celebra 37 anos com arte e grandes realizações
TECNOLOGIA E INOVAÇÃO
Painel verde suga CO2, produz oxigênio e alga comestível
EVENTOS
Congresso sobre pontes e estruturas traz especialistas no assunto, inclusive internacionais
CONSTRUÇÃO CIVIL
Grandes vãos e transparência com uso de aço