Fale conosco Anuncie Sobre o Met@lica Links Recomendados
OBRAS ARTIGOS TÉCNICOS MATERIAIS E PRODUTOS GUIA DE EMPRESAS TABELAS PROGRAME-SE NOTÍCIAS
photo
photo
photo
photo
photo
photo
photo
photo
photo
photo

Acidentes em obras lideram o ranking

Já foram três mortes notificadas este ano, no setor da construção civil, segundo o Sindicato dos Trabalhadores da Construção Civil, envolvendo trabalhadores

Acidentes em obras lideram o ranking

No Brasil, um acidente de trabalho é estimado a cada 48 segundos. Entre 2012 e 2018 (até 21 de novembro), 4,4 milhões de acidentes de trabalho foram registrados. Grande parte dos casos ocorreu na construção civil, o 4º setor econômico no país com mais ocorrências: 97 mil.

No Maranhão, o setor da construção é o que mais registra acidentes de trabalho. De 2012 a 2018 foram 1.414 acidentes e 71 mortes.

Os dados são do Observatório Digital de Saúde e Segurança do Trabalho (OSST), ferramenta do MPT e da OIT, que faz o acompanhamento dos acidentes em tempo real, por meio do chamado “acidentômetro”, além de fazer um mapeamento das áreas com maior incidência de casos.

Na capital, em igual período, segundo o Observatório, foram 741 registros de acidentes de trabalho, destacando- se as seguintes ocorrências:  Fratura (169), distensão, torção (112), corte, laceração, ferida, contusão, esmagamento (89), luxação (80). Foram reportadas, ainda, 10 mortes.

Segundo levantamento, as atividades econômicas mais frequentemente envolvidas são construção de edifícios (143), transporte ferroviário de carga (49), comércio varejista de mercadorias em geral, com predominância de produtos alimentícios – hipermercados e supermercados (39).

O ramo da construção civil também é um dos mais vulneráveis e que apresenta um alto índice de irregularidades sob o ponto de vista da segurança de trabalhadores e do meio ambiente de trabalho.

No último dia 12, o carpinteiro Luís Carlos Fróes, de 59 anos, morreu ao cair de um dos andares de um prédio em obras da empresa Crédito Incorporações LTDA, no qual trabalhava na área da Península na Ponta d’Areia.

De acordo com o presidente do Sindicato dos Trabalhadores da Construção Civil, Irineu Mendes, esse é o 3º acidente com morte envolvendo trabalhadores civis. O caso está sendo investigado.

Em nota, a empresa Crédito Incorporação LTDA, responsável pela construção, informou que lamentou o acidente e cobra a apuração do acidente junto as autoridades para que tudo seja esclarecido. Ainda segundo a empresa, foram fornecidos todos os equipamentos de segurança necessários para a prevenção de acidentes.

A empresa Crédito Incorporação LTDA afirmou que dará todo o suporte a família da vítima.

Notícias

ARQUITETURA
Sustentabilidade ganha espaço em projetos arquitetônicos
CONSTRUÇÃO CIVIL
Cervejaria Ambev constrói maior obra modular industrializada da América Latina em parceria com empresa catarinense
ECONOMIA E MERCADO
Inflação da construção civil sobe para 0,44% em junho
CONSTRUÇÃO CIVIL
Telhado do Teatrão vai ser demolido após laudo apontar risco de desabamento

CURSOS
Edifícios de Múltiplos Andares em Aço - NBR 8800 - Presencial
CURSOS
Fabricação, Transporte e Montagem de Estruturas de Aço - Presencial
CURSOS
Projeto e Cálculo de Light Steel Framing - Presencial
CONSTRUÇÃO CIVIL
Alunos da UFPR criam startup com soluções para construção civil

CONSTRUÇÃO CIVIL
Tipos de construção civil " o que são e por que você deve se importar
CURSOS
Estruturas Mistas de Aço e Concreto: Vigas, Lajes e Pilares
EMPRESAS
Fazenda lança projeto piloto para promover autorregularização de contribuintes na entrega da Escrituração Fiscal Digital
EMPRESAS
UL conquista certificado de sustentabilidade LEED® Platinum